7 sinais que indicam a falta de planejamento em um salão
26 de julho de 2017
0
  1. Seus projetos não saem do papel

Como a área da beleza faz parte de um mercado que não para de crescer, é comum que na cabeça de um gestor de salão haja diversos planos o tempo todo, pensando em formas de se diferenciar da concorrência, táticas de fidelização, relacionamento etc.. O que não é comum é que esses planos fiquem apenas no papel, sem nenhuma iniciativa para por tudo em prática. É fundamental para o avanço de um empreendimento tocar projetos e esmiuçá-los, traçando meta por meta até chegar ao objetivo. O que não vale é esperar as mudanças caírem do céu.

  1. Os processos informatizados são lentos

Se tem um fator que atrasa completamente a produtividade de um salão é a lentidão em processos informatizados. Se um cliente vai ao seu salão pela primeira vez e perde tempo para ter seu agendamento verificado, a impressão deixada por seu estabelecimento não será muito boa. Existem diversos softwares online e offline que podem agilizar esses momentos e tornar o atendimento, o gerenciamento e a obtenção de relatórios mais práticos e rápidos.

  1. Os serviços não estão atualizados de acordo com o mercado

Como foi dito no primeiro item, o mercado da beleza não para, então ter diferenciais e estar atualizado é fundamental para estabelecimentos como salões , barbearias, esmalterias, clínicas de estética etc.. Esse nicho tem um público extremamente exigente que vai atrás dos serviços e técnicas lançados mais recentemente e se o seu salão não os oferece, esse público irá atrás de outro. Estar por dentro de cursos, palestras, workshops e tudo o que traz informação relevante sobre a área é essencial, gestor.

  1. Você não sabe o que é Análise SWOT

Todo empreendedor que se preze e que preza por seu negócio precisa conhecer e praticar a análise SWOT para extrair o que há de melhor no seu estabelecimento todos os dias. A análise SWOT é um estudo das características de uma empresa, sendo S para strenghts (forças), W para weaknesses (fraquezas), O para opportunities (oportunidades) e T para threats (ameaças). A análise desses 4 pontos resulta em um relatório que aponta bons direcionamentos para um negócio. Pesquise e faça acontecer.

  1. Você não sabe o que acontece no salão

Como você pode fazer planos para o seu negócio sem saber o que acontece nele? Um gestor, ainda que possua um braço direito que coordena o salão no dia a dia, precisa se envolver com o cotidiano de seu negócio para saber como direcioná-lo da melhor forma. Sem conhecer sua empresa, não tem como ir para frente. Faça visitas periódicas ao estabelecimento, analise os números com frequência e mantenha um bom relacionamento com sua equipe.

Deixe uma resposta